terça-feira, outubro 25, 2005

“Ainda agora estava aqui!”

Precisei dele para ver uma data. Procurei-o debaixo das almofadas, entre os estofos do sofá, no fundo do saco, nos bolsos do casaco, debaixo da revista, por cima da carpete…mas nada! Em menos de duas horas o meu telemóvel xpto da marca y com tarifário x e n toques polifónicos desapareceu-me da carteira para deixar um buraco de números perdidos e alguma nostalgia à mistura…