segunda-feira, agosto 22, 2005

Catch me, baby. If you can!

Mr. Tom Hanks enfiado num smoking de talhe démodé, usando uns óculos pretos e um chapéu extremamente kinky protagonizou a personagem mais adorável da trama. Estatuto esse que estava obviamente reservado ao talentoso Frank W. Abagnale, mas a quem a medíocre interpretação de Leonardo Dicaprio não consegui atribuir mais que “cute!”.
Um erro de casting que poderia ter sido ultrapassado com uma selecção tipo Sophia Coppola e um achado á imagem e semelhança de Scarlett Johansson…Porque as massas consomem rápido e porque Leonardo e Cruise já passaram o seu prazo de validade algures na viragem do milénio, Steven S. deveria repensar as suas escolhas!